Barbear Casher ou Kosher

Fazer a barba é algo simples para o não-judeu. Basta apenas usar uma navalha ou uma lâmina de barbear e pronto: rosto lisinho em alguns minutos.

No entanto, o judeu é obrigado a seguir os preceitos da Torá, muito deles incompreensíveis ao intelecto humano, mas todos igualmente importantes para atingir os objetivos espirituais que o D’us de Israel espera de todos os judeus.

Um dos mandamentos proíbe ao homem e à mulher de raspar a barba e de cortar os cabelos em redondo. Veja:

“Não cortarás o cabelo de vossa cabeça em redondo, e não raspareis (com navalha) vossa barba” (Vayicrá/Levítico 19:27)

לֹא תַקִּפוּ פְּאַת רֹאשְׁכֶם וְלֹא תַשְׁחִית אֵת פְּאַת זְקָנֶך

Em suma: nada de usar giletes, navalhas, facas, lâminas ou assemelhados para raspar a barba. E nada de eliminar as costeletas para deixar o cabelo da cabeça em redondo ou de manter as costeletas separadas do cabelo. São regras de cashrut e fazem parte do barbear casher, também chamado de Kosher.

Barbão

Para ter uma barba casher não é preciso “assustar” os clientes, nem seu patrão, nem ninguém.

Quais são os objetivos maiores dessa regra? Não temos ideia, mas se ela existe, tenha certeza: ela é importante e deve ser seguida pelos judeus porque o Deus Único não erra e não falha.

O mundo atual segue o padrão romano. Ou seja: homens de cabelos curtos e barba feita. Mulheres sem bigode. É um costume geral.

Quer dizer então que o Judeu é obrigado a trabalhar com uma barba de papai-noel e causar má impressão nos clientes, nos colegas de trabalho e no patrão? Quer dizer que uma mulher judia deve se contentar em ser uma mulher barbada?

Não. Para nossa felicidade, existe solução para o problema sem infringir as leis da Torá.

Como superar os problemas de barbear sem desrespeitar a Cashrut?

Barbeador elétrico

Barbeador elétrico: a solução para um barbear casher ou kosher. (consulte sempre o rabino antes de comprar)

A Torá proíbe apenas a raspagem da barba com lâmina. Cortar o pelo é perfeitamente possível sem ofender a cashrut. Nesse caso, basta usar uma tesoura para aparar ou um bom barbeador elétrico (consulte seu rabino). E claro: deixe alguma costeleta! Esta norma vale para homens e para mulheres!

Não precisa deixar costeletas de Wolverine, nem do séc. XVIII (era de ouro das costeletas), nem fazer trancinhas nela, basta uma costeleta discreta e já terá cumprido o mandamento. Se quiser fazer diferente para realçar o mandamento, não é proibido, mas saiba que é apenas uma questão estética.

Os barbeadores da Phillips são os melhores. Eles possuem sistema que levanta o pelo e corta sem raspar a pele e sem ofender o preceito da Torá. Alguns deles possuem “aparador de costeletas”. Claro que esta ferramenta não poderá ser usada para retirar as costeletas, já que é proibido, mas o aparador é perfeito para dar uma primeira cortada na barba quando ela está muito grande. Como já é sabido, os barbeadores elétricos não cortam barbas acima de 0,5 cm sem puxá-la e causar desconforto. Quando usa-se o aparador para dar uma primeira cortada na barba, o tamanho da barba cai drasticamente, permitindo o uso do barbeador sem o incômodo de ter os fios puxados. E o melhor: a barba fica lisinha e perfeita sem precisar raspar.

Judias não precisam se transformarem em mulheres barbadas para cumprir a Torá

Para que o barbear flua ainda mais suavemente, é recomendável o uso de talco para bebê ou gel de barbear (varia conforme modelo do aparelho). O barbeador corta a barba mais rente e mais fácil, além de facilitar a higienização póstuma do aparelho. E claro: use gel pós barba sem álcool para evitar irritações. Sua pele agradecerá e você ainda terá cumprido um preceito da Torá. É uma excelente maneira de cumprir um mandamento e ficar apresentável.

Aparador de costeletas

Aparador de costeletas: use-o apenas para diminuir o tamanho da barba, jamais para “eliminar a costeleta”.

Em todo caso, consulte o rabino. Ele te indicará se o aparelho que você pretende comprar está ou não adequado para lhe oferecer um barbear casher.

Isso tudo é só uma maneira de nos adaptarmos aos novos tempos sem ofender os preceitos da Torá. Em todo caso, não sendo possível conciliar os preceitos com as exigências da vida moderna, seja uma pessoa criativa e encontre um meio de suprir sua necessidade sem violar a Torá.

O que é cortar o cabelo em redondo?

É o corte feito em redondo, sem deixar nenhum canto do cabelo (as costeletas), como nos exemplos abaixo:

corte em redondo. Proibido para os judeus pela Torá.

corte em redondo. Sem costeletas o cabelo fica sem cantos.

corte em redondo. Proibido para os judeus pela Torá.

Este último corte é interessante porque há falsa costeleta e um cabelo cortado em redondo.

Por que há falsa costeleta? Porque a costeleta é a parte que conecta o cabelo à barba. A costeleta sempre começa no cabelo e termina onde começa a barba. O cabelo fica na parte superior e traseira da cabeça. A barba fica na parte inferior e dianteira da cabeça. Qual é o ponto de referência de separação entre o cabelo e a barba? As orelhas.

A costeleta geralmente termina na altura da metade da orelha ou da parte inferior da orelha.

Note que no o último exemplo, cortou-se completamente o cabelo da cabeça até a metade da orelha, não deixando costeleta, mas apenas uma falsa costeleta, já que isto pode ser apenas barba com aparência de costeleta.

Suponhamos que no caso dele a costeleta terminasse na parte inferior da orelha. Em todo caso a costeleta precisaria estar conectada ao restante do cabelo na parte superior ou traseira da cabeça (E não está!). Ele tem cabelo na parte superior da cabeça, mas não o conectou à costeleta. Portanto, na cabeça dele há dois cortes de cabelos: um em redondo (que viola a Torá para judeus) e outro com canto na parte inferior (sem violação).

Exemplos de cortes que deixam costeletas. Se deixar cabelo, a costeleta deve estar conectada ao cabelo.

Mulheres e homens judeus podem deixar o cabelo curto, ou até ficar sem cabelo,  desde que preservem o cabelo com seus cantos (a costeletas) a fim de evitar o corte em redondo. Por óbvio, de qualquer modo deve-se NÃO RASPAR a barba ou o cabelo como já explicado. Veja os exemplos abaixo:

Observe que há costeleta.

Cabelo curto, mas há costeletas.

Não há cabelo na parte superior ou de trás, mas há costeletas.

Em todo caso não se deve raspar a barba com lâminas.

Pode depilar?

Sim, só não pode raspar a barba ou eliminar as costeletas.

Pode depilar a laser?

Sim, só não pode raspar a barba ou eliminar as costeletas.

E as partes íntimas, peito costas, braços e pernas?

Vale a mesma regra geral dos não-judeus (Bnei Noach). Você pode fazer o que você quiser porque a Torá só estabelece limitações para a barba e para o cabelo.